Promotor critica com dureza Prefeitura e Copasa por serviço de saneamento em SL

Promotor critica com dureza Prefeitura e Copasa por serviço de saneamento em SL
Protesto dos moradores no bairro Adeodato, em Santa Luzia, em agosto de 2017, onde continua não havendo tratamento de esgoto. Foto: jornal Hoje em Dia

Luzias

Você que é morador de Santa Luzia e se interessa pela cidade precisa prestar atenção a este vídeo do Observatório Luziense, mostrando a fala do Promotor, Marcos Paulo de Souza Miranda, durante audiência pública, nesta terça-feira, 23 de abril, para avaliar o plano municipal de saneamento básico do município. Apresentado na sede da Prefeitura, o plano recebeu do Promotor as mais duras críticas. “Eu não gostaria que os senhores levassem as minhas palavras no sentido de ofensa, de ataque. De forma alguma. Eu estou aqui para tentar contribuir” – começou o Promotor, para em seguida alertar aos presentes que o padrão de prestação de serviço de saneamento em Santa Luzia é igual ou pior ao do Nordeste, “a região mais desprovida de recursos do Brasil.” Esse é o serviço que a Copasa presta à cidade. O Promotor lembrou que o último contrato de saneamento em Santa Luzia foi em março de 1974, o ano em que ele nasceu. Quarenta e cinco anos depois, afirmou, a cidade ainda padece de problemas de saneamento inaceitáveis. E apenas três em cada 10 famílias do município têm seu esgoto tratado. Há 45 anos estamos sendo enganados. Ele também criticou a audiência pública realizada pela Prefeitura sem participação popular. As criticas do Promotor mostram que a atual gestão da cidade, apesar de nova, – assumiu em julho de 2018 -, adotou práticas velhas, as mesmas práticas que tornaram Santa Luzia um município tão empobrecido, carente de tudo.

Não deixe de ouvir o Promotor:

Dr. Marcos Paulo, promotor de Justiça, faz duras críticas ao plano municipal de saneamento básico apresentado nesta terça-feira (23) em audiência púbica no auditório da Prefeitura. #saneamentobásico #audiênciapública #santaluzia #observatorioluziense #luziar #umbomlugar

Geplaatst door Observatório Luziense op Dinsdag 23 april 2019

Deixe um comentário

Mantemos a privacidade de seu e-mail. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

2 Comentários

  • Elzira Divina Perpétua
    26 de abril de 2019, 13:28

    Muitos políticos do século XX não investiam em obras de esgoto por acreditarem que, por estarem debaixo da terra, não eram visíveis e, portanto, não geravam votos. Mas o povo não é bobo, sabe que na falta de saneamento básico está a raiz de várias doenças que podiam ser evitadas. O promotor pôs o dedo na ferida e também apontou a solução. Espero que suas palavras sejam ouvidas pela nova administração. Excelente matéria !

    RESPONDA
  • […] Promotor critica com dureza Prefeitura e Copasa por serviço de saneamento em SL […]

    RESPONDA