Arquiteta chama a atenção para os danos da expansão imobiliária sem controle

Arquiteta chama a atenção para os danos da expansão imobiliária sem controle
São inúmeros prédios construídos por toda parte em Santa Luzia sem estudo de impacto

Luzias

Quem quiser compreender melhor o que está acontecendo com a expansão imobiliária desordenada em Santa Luzia deve acompanhar esta entrevista da arquiteta e empresária Lilian Martins para Ludmila Bernardes, do Observatório Luziense. Estudos mostram que em dois anos a população da cidade vai crescer em 10%, se levados adiante todos os conjuntos habitacionais cujas obras já foram iniciadas. Serão mais de 20 mil novos moradores num município que sofre profundamente com o transporte público deficiente, a insegurança, saúde e educação com sérios problemas, nenhuma área de lazer. Lilian, que é sócia da empresa GS Engenharia, fala da preocupação dos luzienses com tantas construções destinadas não à população da cidade. Na entrevista, ela fala ainda do grupo Sou Luziense, do qual faz parte, e da sua vida como empresária em Santa Luzia.

Veja:

Entrevista da Semana – Lilian Martins

[ENTREVISTA DA SEMANA] O Observatório Luziense conversou com a arquiteta e empresária de Santa Luzia Lílian Martins, sócia da GS Engenharia. Ela falou um pouco sobre o mercado em que atua, urbanismo e a expansão imobiliária que tanto tem preocupado os luzienses nos últimos anos. Confira! #entrevistadasemana #TVOL #LilianMartins #urbanismo #mercadoimobiliário #construçãocivil #economia #empreendedorismo #santaluzia #observatórioluziense #luziar

Publicado por Observatório Luziense em Quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Leia também:
Expansão imobiliária desordenada vai transtornar a vida do luziense e tornar a cidade ingovernável

Deixe um comentário

Mantemos a privacidade de seu e-mail. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply