Os festejos do Divino Espírito Santo na comunidade quilombola de Pinhões

Os festejos do Divino Espírito Santo na comunidade quilombola de Pinhões
A Festa do Divino é parte integrante da Cultura de Pinhões. Passa de geração para geração, como mostra esta imagem de Heli Lara

Beto Mateus, Luzias

A comunidade quilombola de Pinhões presenciou neste domingo mais um grande evento ligado à fé e cultura populares. Os festejos do Divino Espírito Santo movimentaram a comunidade com a realização de procissões, levantamento de mastros, cortejos e missas.

A festa religiosa é realizada todo mês de julho. E movimenta a comunidade. Foto: Marcos Ikeda

Com abertura no último dia 30 de junho, a festa celebrou em cada dia os sete dons do Espírito Santo (Sabedoria, Entendimento, Ciência, Conselho, Fortaleza, Piedade e Temor de Deus) chegando ao seu grande momento ontem, 08 de julho, com o início dos festejos a partir das 08h. Nesse ano, os imperadores foram Jorge Apolinário e Kênia Erlen.

A festa é organizada pela Guarda de Congo Divino Espírito Santo de Nossa Senhora do Rosário de Pinhões. Foto: Marcos Ikeda

A procissão realizada às 15h levou pelas ruas da comunidade as imagens do Divino Espírito Santo, São Benedito, Santa Efigênia e Nossa Senhora do Rosário, ricamente ornamentadas em andores floridos. A festa contou com a participação de 08 grupos dos municípios de Belo Horizonte, Sete Lagoas, Matozinhos, Ibirité, Brumadinho, Betim e Ribeirão das Neves que se apresentaram na praça em frente à centenária capela de Nossa Senhora do Rosário, participando também de um almoço coletivo que reuniu mais de quinhentos participantes.

Participaram grupos de de Belo Horizonte, Sete Lagoas, Matozinhos, Ibirité, Brumadinho, Betim e Ribeirão das Neves. Foto: Heli Lara

A festa do Divino na comunidade de Pinhões é organizada pela Guarda de Congo Divino Espírito Santo de Nossa Senhora do Rosário de Pinhões que surgiu em 2014 a partir do interesse das mulheres da comunidade quilombola em ter o seu próprio grupo de congado, uma vez que na comunidade já existe um grupo tradicional somente com a participação de homens, que celebram Nossa Senhora do Rosário no mês de outubro.

Outra bonita imagem de Marcos Ikeda dentro da Igreja do Rosário

Outros flagrantes desta festa de fé, realizada anualmente:

Pura beleza esse registro de Heli Lara Lima. Repare que ele leva o gunga na canela

Imagem de Nossa Senhora do Rosário. Foto: Marcos Ikeda

Deixe um comentário

Mantemos a privacidade de seu e-mail. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

3 Comentários

  • Antonio
    9 de julho de 2018, 23:13

    Simplesmente fabuloso…amo!!!!toninhoreis@

    RESPONDA
  • Andreia Azevedo Crivaro Moreira
    1 de agosto de 2018, 14:35

    Fotos lindas das guardas mas a guarda anfitriã não teve nenhuma.

    RESPONDA