Coral Mater Ecclesiae orgulha Santa Luzia

Coral Mater Ecclesiae orgulha Santa Luzia
O coral foi criado em 1995 e tornou-se parte essencial da cultura da cidade

Em 15 de agosto de 1995 nascia, em Santa Luzia, o Coral Mater Ecclesiae, por iniciativa do Padre José Januário Moreira. Desde a sua fundação, o Coral é regido pelo maestro Cleber Geraldo Vieira de Castro, auxiliado pelo também maestro e professor João Carlos Rosolini. Nestes quases 23 anos, o coral, também conhecido como Meninos Cantores de Santa Luzia, passou a ser referência na vida cultural da cidade.

Dois anos depois da fundação, o coral se filiou à Federação Nacional de Meninos Cantores do Brasil e à Federação Internacional “Pueri Cantores”, com sede em Roma. Desde então, vem brilhando em todos os congressos realizados em diversos estados brasileiros. Apesar das imensas dificuldades financeiras, os Meninos Cantores de Santa Luzia levam o nome da cidade aos quatros cantos do Brasil.

O Mater Eccleasiae é formado por 45 vozes e os integrantes têm entre 8 e 20 anos. Além dos titulares, futuros cantores participam de cursos preparatórios para o ingresso no coral. Também são ministradas aulas de piano, flauta, teoria musical, técnica vocal, assim como aulas de inglês e reforço escolar.

Musicalmente, o coral trabalha com quatro naipes principais, executando peças de até oito vozes. O repertório abrange desde o canto gregoriano e a música sacra e profana da Renascença até peças contemporâneas de caráter folclórico e popular.

Em 23 anos de atividades ininterruptas, o Coral Mater Ecclesiae executou obras de grandes nomes da música clássica, mas também se dedicou a autores modernos e contemporâneos, como John Rutter, Piazolla, Carlos Alberto Pinto Fonseca, Tom Jobim, Milton Nascimento e tantos outros.

Em 1999 o coral gravou o seu 1º CD, “Laudate Pueri Dominum”, relançado em 2009 em edição especial remasterizada. Produziu em 2001 o CD “Missa Solene” durante o XI Congresso Nacional da Federação dos Meninos Cantores do Brasil, lançado em 2002 e remasterizado em 2012. O coral também já participou em CDs e shows de artistas de renome e continuamente se apresenta em festivais, encontros de corais, eventos cívicos e religiosos, além de cantar regularmente em missas e outras festas litúrgicas.

Filiado ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente da cidade de Santa Luzia, o coral desenvolve diversos projetos culturais. Promove ainda ações sócio-educativas, desenvolvendo um trabalho metódico de apoio aos coralistas e suas famílias.

Deixe um comentário

Mantemos a privacidade de seu e-mail. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

1 Comentário

  • Nenez
    29 de abril de 2018, 19:52

    Muito lindo! merece o nosso aplauso e precisa do nosso apoio…

    RESPONDA